23 de abril de 2018

Os 9 principais benefícios de fazer um curso tecnológico

Após o ensino médio, é comum que as pessoas optem por graduações tradicionais. Muitos o fazem, porém, por pressão da família ou por não conhecerem os benefícios de fazer um curso tecnológico.

Essa modalidade de formação também emite diploma de nível superior e tem reconhecimento do MEC, e por isso tem tanto valor para o mercado de trabalho quanto qualquer outra. Apesar de ainda pouco divulgadas, as graduações tecnológicas estão ganhando popularidade pelo país, principalmente diante da grande concorrência que o mercado de trabalho impõe. Afinal, investir em uma formação profissional é um bônus para o currículo e pode abrir muitas portas.

Há cursos disponíveis em diversas áreas do conhecimento, atendendo às mais diversas vocações. Por isso, se você está terminando o ensino médio ou quer incrementar seu currículo com uma nova formação, veja aqui os motivos para fazer sua matrícula em uma graduação tecnológica.

Diferenças básicas entre a graduação tradicional e o curso tecnológico

Tanto o curso tecnológico quanto uma graduação tradicional emitem diplomas de nível superior, mas há diferenças fundamentais entre as duas modalidades. Entre as principais, podemos destacar o tempo de duração e a grade curricular.

Enquanto uma graduação convencional tem a duração média de 4 anos, os tecnológicos duram somente cerca de 2 anos. Em relação à grade curricular, o curso tecnológico se concentra muito mais na prática, trabalhando com o dia a dia do profissional em formação, enquanto o convencional reserva boa parte dela para estudos teóricos.

Para compreender por que você deve apostar em uma graduação tecnológica, confira a lista que nós preparamos mostrando os 9 principais benefícios dessa escolha:

As principais vantagens de um curso tecnológico

Menor tempo para formação

As graduações tecnológicas têm seu tempo de duração reduzido por não incluir muitas aulas teóricas em sua carga horária, o que permite diminuir a quantidade de disciplinas. Com isso, o tempo médio para formação da maioria dos cursos é de apenas dois anos, com alguns poucos que chegam a três.

Esse tipo de formação é o mais indicado para quem não quer perder muito tempo em sala de aula, mas também não abre mão de ter uma formação de qualidade no ensino superior. Muitas pessoas que já possuem família, por exemplo, optam por essa modalidade.

Investimento mais baixo

Comparando o valor das mensalidades nas instituições particulares, você verá que os cursos de graduação tecnológicos costumam ser mais baratos do que os tradicionais. Além disso, por ter uma duração menor, você paga menos mensalidades, o que ajuda a diminuir os custos totais.

Essa é uma vantagem interessante especialmente para pessoas de baixa renda, que não têm condições de arcar com as despesas de uma graduação convencional em uma instituição particular. Por isso, os cursos tecnológicos representam uma excelente oportunidade de garantir um diploma superior sem pesar no bolso.

Formação mais voltada para o mercado

Como dissemos ali em cima, a grade curricular dos cursos tecnológicos inclui menos teoria e mais prática. Por causa disso, eles estão mais voltados para o dia a dia do mercado de trabalho, colocando o aluno em contato direto com os pormenores da sua profissão.

Esse aspecto é uma vantagem para seus alunos, que obtêm experiências para desempenhar determinadas funções ainda durante a graduação. Assim, uma formação tecnológica permite destacar seu currículo em seleções de emprego.

Inserção mais rápida no mercado de trabalho

O curso superior tecnológico está mais focado no mercado, pois é mais voltado para a prática do que para a teoria. Consequentemente, quem opta por esse tipo de graduação já garante uma experiência prévia em sua área de formação, o que representa um diferencial para conseguir se inserir mais rápido no mercado de trabalho.

Possibilidade de fazer uma pós-graduação

Se você pretende continuar estudando depois da faculdade para ampliar a sua formação e enriquecer seu currículo com uma pós-graduação, não pense que é necessário investir em uma graduação convencional.

O diploma de um curso superior tecnológico lhe dá passe livre para especialização, mestrado e doutorado. Afinal, eles são considerados como graduação plena assim como os outros, e a mesma informação é válida para concursos públicos que exigem o nível superior.

Formação especializada

Com o diploma de um curso tecnológico, você tem condições de se inserir com mais facilidade em determinados nichos de trabalho. Dizemos isso porque muitas vezes a formação é aprofundada em áreas de atuação mais específicas, como Gestão de Recursos Humanos.

Essa especificidade dá suporte para o profissional desempenhar suas funções com aptidão, pois fornece os conhecimentos necessários de maneira detalhada. Isso oferece vantagens em relação aos outros concorrentes, já que é um grande diferencial para o seu currículo.

Enriquecimento do currículo

Investir em uma formação superior tecnológica pode ser o que falta para incrementar seu currículo e conseguir um bom emprego ou até mesmo uma promoção na empresa onde você já trabalha. Assim, muitos desses cursos são procurados por pessoas que já estão no mercado, mas buscam novas perspectivas para melhorar de vida.

Variedade de opções

Independente a área de conhecimento com a qual você mais se identifica, deve haver um curso tecnológico indicado para a sua situação. Hoje em dia, há 112 formações reconhecidas pelo MEC, divididas em 13 eixos de atuação diferentes, como segurança, militar, recursos naturais, produção cultural e design, entre outros.

Para você ter noção da variedade, alguns cursos que nós podemos citar são marketing, gastronomia, radiologia, gestão de recursos humanos, biocombustíveis, irrigação e drenagem, entre várias outras.

Depois de conhecer todos esses benefícios de fazer um curso tecnológico, você está considerando se inscrever em algum? Conte seus planos pra gente aqui nos comentários!